26 de julho de 2016

Sintomas do ponto de vista energético


A
Aborto: Isso acontece quando a criança esta sendo conscientemente ou inconscientemente rejeitada.
Geralmente existe conflito ou tensão doméstica.

Acidentes: Acidentes acontecem, mas são trazidos por nós mesmos, geralmente inconscientemente. Quando o acidente ocorre, o curso que a pessoa esta seguindo presentemente, é posto em questionamento. Analise como o acidente ocorreu, a área do corpo afetada e achará o motivo. Pode ser falta de controle das coisas à sua volta a perspectiva, tenha ficado fora do ar, ou esteja encontrando grande resistência.

Adenóides: é sinal de dificuldades dentro da família. Em crianças as mesmas podem estar se sentindo rejeitadas

Alergias: alergia é uma reação externa do sistema imunológico do corpo à substância que foi detectada inimiga, desde que ela represente um aspecto do indivíduo que está sendo rejeitado, oprimido,negado ou suprimido. Lutar contra um inimigo auto-criado é sempre um ato de agressão, uma luta inconsciente contra uma área da vida que nos causa medo e que não queremos deixar entrar em nossa vida. A substância é sempre um símbolo da área da vida que estamos evitando e lutando contra.

Alergias/ animal: Todo animal aponta para amor, sexualidade e desejo instintivo.

Alergias/antibiótico: o termo antibiótico quer dizer anti-vida. Estas são drogas que trabalham contra a vida. Elas também matam algo dentro da pessoa. Uma alergia contra antibiótico é uma reação saudável. Indica que a pessoa aceita todos os aspectos da vida, mesmo que se transforme em tensão ou conflito.

Alergias/ cachorro: Repressão do componente agressivo da sexualidade.

Alergias/ Gato. O gato simboliza o aspecto mais feminino da sexualidade e qualidades como gentileza e carinho.

Alergias/Poeira: indica medo de tudo, a pessoa se sente insegura e suja, um medo que sempre se projeta dentro da sexualidade.

Alergia/polinose: Essa é uma reação ao feno, símbolo de fertilização e reprodução reflete resistência onde se diz respeito à sexualidade

Apendicite: Como qualquer processo inflamatório, indica que existe um problema grave e urgente que esta bloqueando o fluxo da vida, geralmente misturado com o medo da vida em si.

B
Boca/ Mau hálito: o que a pessoa expira corresponde aos pensamentos que carrega dentro dela.

Boca/ Gengivas: Como as gengivas são a base dos dentes, a confiança na vida, a auto confiança são a base para se agarrar às coisas. Problemas com as gengivas indicam a incapacidade nessa área, provavelmente por medo de perder amor. A pessoa é sensível e não tem coragem de agir duramente.

C
Cabeça Função básica do cérebro: o hemisfério direito controla as funções do lado esquerdo do corpo e também se relaciona com as faculdades de entendimento holístico, criatividade, sentimento, intuição, musica e senso de espaço. É o Yin do chinês, a Lua, água, aspectos femininos e receptivos. O hemisfério esquerdo controla o lado direito do corpo e as faculdades da lógica, pensamentos analíticos e racionais, inteligência, língua, e matemática. É o Yang do chinês, o Sol, o fogo, aspectos masculinos e o principio de dar.

Cabeça/ Apoplexia: Extrema resistência à vida e ao mesmo tempo, negação interior dela. Quando um ataque acontece, o suprimento de sangue para cera área do cérebro é interrompido e a região afetada para de funcionar apropriadamente. A paralisia que ocorre restringe a atividade da pessoa no mundo exterior

Cabeça/ Dor de cabeça: Dor de cabeça é indicação de uma tensão excessiva. Pode ser causada por fortes demandas externas, mas também por ambição excessiva e busca da perfeição. Outras causas são cabeça dura, preocupação perpétua, dar muita importância ao pensamento racional e viver muito dentro da cabeça.

Cabeça/ Enxaqueca: resistência ao fluxo da vida, conflito entre o homem e sua natureza, mostra que um problema sexual foi forçado à tona. A pessoa precisa se conscientiza de sua sexualidade e de todas as outras energias dentro dela.

Cabeça/ Epilepsia: Indicação de energias e agressões suprimidas.
Obriga a pessoa a relaxar, liberando esses conflitos de memória e consciência. Isto a ajudara a aprender a habilidade de devoção e a soltar as coisas sem precisar ser forçada a fazer.

Cabeça/ Tumor no cérebro: Resistência em mudar a maneira de pensar, cabeça dura, não quer soltar padrões antigos de pensamento que há muito perderam sua validez. A pessoa não entende que tudo é sujeito a mudanças internas e que o crescimento ocorre quando ocorrem mudanças.

Cabelo: O cabelo é o símbolo da liberdade, poder e força. Se a pessoa tem problemas com os cabelos, ela tem que se perguntar o que quer fazer sem se importar com o que esperem dela.

Câncer: Câncer não é mais governado pela ordem, isto é o resultado de desarmonia entre as células de todo o corpo. As células passam a ter vida própria independente das demais do corpo, Uma pessoa com câncer deve se perguntar, qual a área da vida da qual ela se separou totalmente. A área do corpo afetada, e o problema psicológico que simboliza a ajudarão a achar a resposta.

Congênitos Defeitos: Representa problemas não resolvidos em vidas passadas. Foi a pessoa que decidiu nascer como ela é e não deve culpar os outros. O defeito mostra o que é que a pessoa necessita ainda aprender.

Coração – Angina: Constrição esta sempre relacionada ao medo. E, no caso da angina, as expressões “ter um coração de pedra” ou ter um coração frio” se aplicam. A pessoa cortou seu ego da unidade da vida e como resultado, suas emoções estão bloqueadas.

Coração - Ataque: Indica a liberação de um grande acúmulo de energia, de agressividade que até então havia sido reprimida. Ë a soma de tudo que a enraivece e irrita que não achando outra maneira de sair se volta contra a pessoa com toda a força.

Coração – Palpitação: É uma indicação de distúrbio e interrupção na ordem que a pessoa construiu para si. Algo está fora de equilíbrio. Ela deve conscientemente tentar integrar sua vida com a causa do distúrbio.

Coração – Sistema Circulatório: O coração é o símbolo físico das nossas emoções e da capacidade de amar, enquanto o sangue representa a energia vital e a alegria de viver. Nossa circulação distribui esta energia vital e alegria de viver por todo o corpo, com a ajuda do coração e sua capacidade de amar e gerar emoções.

Dentes - Dentadura: Dentadura cria uma impressão de vitalidade e segurança que em realidade não existe. Se a pessoa usa dentadura, ela deve verificar se esta mordendo mais do que pode mastigar, ou se ela esta vivendo demasiadamente de acordo com as expectativas dos outros.

Dentes – Dentes: Problemas dentários são uma indicação de que a pessoa tem uma grande dificuldade em expressar sua agressividade e o lado decisivo dela e que ela não quer ou não é capaz de reconhecer esse fato. Ela geralmente tem dificuldades de tomar decisões e reprime sua agressão natural com medo de perder amor e reconhecimento.

Dentes – Ranger de dentes: Ranger os dentes enquanto dorme é relacionado com a impotência de expressar a agressividade. O desejo de tomar decisões definitivas não é manifestado durante o dia, então se solta durante o sono.

Dentes – Tártaro: Esse problema se relaciona com agressões não trabalhadas que literalmente se empedram.

Diabetes: A raiz dessa doença geralmente é o desejo por um amor unido à incapacidade de ser amado. A pessoa esta com falta de doçura na sua vida e anseia por um amor que não é capaz de dar.

Dor: A dor interrompe o fluxo da vida. O local do corpo indica o aspecto interno onde a pessoa se sente frustrada e presa.

Engolir – Dificuldades: Se a pessoa tem dificuldade de engolir ou um nó na garganta, deve se perguntar o que é que ela não quer engolir na vida. A pessoa necessita de aprender a aceitar seus limites.

Esterilidade: Em algumas mulheres, esterilidade indica uma rejeição inconsciente à gravidez, enquanto em outras a criança só é desejada como meio de segurar o parceiro, indicando um dilema profundo de desonestidade. Esterilidade no homem indica medo de responsabilidades. Nos dois casos, é importante ser honesto consigo mesmo e admitir o que realmente quer, sem condenar seus desejos.

Estômago: Órgão do sistema digestivo representa a recepção e digestão não só de alimentos, mas também de impressões. Isto requer uma atitude de abertura, aceitação e devoção. Se a pessoa expulsou a capacidade de sentimentos de sua vida consciente, seu estomago terá que viver suas emoções em vez dela. Problemas de estômago indicam falta de segurança e de autoconfiança. Assim sendo a pessoa tem dificuldades de aceitar seus sentimentos, especialmente aqueles de raiva e agressividade. Ela acha difícil lidar com conflitos, preferindo engolir as coisas e deixá-las comer internamente.

Estômago – Azia: Se a pessoa continuamente engole raiva, seu suco gástrico se torna muito acido numa tentativa de dar vazão aos seus sentimentos e o resultado é a azia. Isto também cria senso de pressão que evita a entrada adicional de comida. A pessoa obviamente esta cansada de engolir coisas que a irritam.

Estômago – Flatulência (eructação): Este sintoma geralmente é causado pelo fato de que a pessoa não quer engolir algo. Ao mesmo tempo é a relutância de admitir isso, então, por engolir ar, ela simula o ato de engolir. Existe o ditado popular que diz:  Fulano engoliu seco.

Estômago – Náuseas: Náusea indica rejeição de algo muito difícil de digerir não só no sentido físico. Se a pessoa comer muitas comidas diferentes, ou deixar entrar muitas idéias, ela não poderá digeri-las o suficiente e o vômito não a deixara engolir mais. Náusea e vomito na gravidez geralmente representam relutância em receber o sêmen, rejeição de sua própria feminilidade, ou até rejeição da própria criança.

Estômago – Úlcera Gástrica: Isso ocorre quando a pessoa não dá vazão aos seus sentimentos de agressão e eles se voltam contra a própria pessoa.

Fígado: As funções do fígado são metabolismo e desintoxicação. Ele analisa, avalia, julga o mede proporções e excesso. O fígado converte proteína animal e vegetal em proteína humana, onde as substâncias básicas continuam as mesmas. Ele é um símbolo de alto desenvolvimento e evolução Se a pessoa tem problemas de fígado, ela está fazendo alguma coisa em excesso.

Fígado – Hepatite: Indicação de grave conflito. Falta de objetividade no julgamento, medo raiva e ressentimento.

Fígado- Icterícia: Indicação de que a pessoa exagera nas coisas, tem opinião muito forte e é muito preconceituosa.

Frigidez: Quando a mulher é frígida, ela se recusa a se dar para o parceiro ou não quer assumir uma posição de subordinada. Pode ser também que ela tenha medo de seus impulsos e desejos sexuais ou não queria aparentar ser indecente. Isto não a deixa receber ou dar. Ela prefere se manter fria.

Garganta: Problemas de garganta indicam não querer ou não ser capaz de engolir algo. Mostra que estamos engolindo raiva, ressentimento, sentimentos ruins, mágoas etc. Esta também ligada ao medo.

Garganta – Amídalas: Não quer engolir algo, mesmo assim reprime seus sentimentos por medo de algo.

Garganta – Laringite: Esta relacionada ao medo de ser rejeitado ao expressar sua opinião. Isto quer dizer que a pessoa deveria expressar seus sentimentos de raiva e ressentimentos de outra forma, especialmente com relação à autoridade.

Gravidez- Em Geral: Quando a mulher tem problemas durante a gravidez, é porque geralmente ela rejeita a criança que esta dentro dela até certo ponto. Por mais que ela negue isso pode ser verdade.

Gravidez – Fantasma: De um lado indica forte desejo por uma criança, por outro, um medo inconsciente da responsabilidade. Para a mulher que vive sozinha representa o desejo de ter alguém para amar sem querer o aspecto sexo.

Hemorróidas: Algo oprime a pessoa e ela tem dificuldades ou não pode soltar por medo.


Share/Bookmark

2 de abril de 2016

Postura da ponte (Setu-Bandhasana) - Equilibrando o sistema nervoso



Esta flexão abre e fortalece o peito, os quadris e os quadrícipes. Equilibra o sistema nervoso e revigora o corpo todo. 

EFEITOS
° Tem poderoso efeito na tonificação do centro do corpo e fortalecimento da musculatura lombar, exercendo um efeito rejuvenescedor nos músculos costais.
° Expande a capacidade respiratória.
° Atuação nas glândulas tireóide e suprarrenais. 
° Favorece a digestão e auxilia na eliminação das toxinas. 
° Esta postura alivia as tensões do plexo solar, diminuindo os efeitos do estresse. 

 AÇÃO 
° Poderoso efeito de acalmar a mente. Pacificação da glândula supra renal, responsável pela liberação de adrenalina e cortisol, equilibrando assim as funções nervosas, reduzindo o estresse. 
° Tem poderoso efeito sobre os chakras Muladhara (básico), Manipura (umbilical), Anahata (cardíaco) e Visuddha (laríngeo). 
° Despertar (contentamento).

CUIDADOS
Para aqueles com dor lombar. Pratique respirando. (*)

COMO FAZER?
• Deite no chão, estique os braços junto ao corpo e dobre os joelhos deixando que as pontas dos dedos encostem nos calcanhares. 
• Ajuste a distância entre os pés na largura do quadril.
• Inspirando eleve o quadril
• Entrelace as mãos abaixo do quadril e pressione os pés rolando o apoio um pouco mais sobre os ombros.
• Cuidado para não abrir lateralmente os joelhos. Mantenha os pés e as coxas paralelos e se preferir, utilize uma faixa como na ilustração.
• Faça um ciclo de 5 respirações e na última exalação solte os braço e desça vértebra por vértebra, desenrolando a espinha da nuca para cintura sem pressa!
• Repita. Ao finalizar faça a postura para compensar: traga os joelhos em direção do peito abraçando-os.


(*) http://corpoinconsciencia.com/2013/09/08/3502/
Fonte: http://setasparaoinfinito.blogspot.com/2014/02/postura-da-ponte-setu-bandhasana.html#ixzz44h1HHL64

Share/Bookmark

28 de fevereiro de 2016

O QUE SERÁ QUE ESTÃO PENSANDO DE MIM?




“O que será que estão pensando de mim? Será que ele ficou chateado? Nossa, acho que ela não gostou do que falei. Putz, acho que deveria ter feito de outra forma. Não devia ter feito assim. Seria melhor se eu tivesse perguntado antes. E agora? Será que eu consigo voltar no tempo? Como faço para não sofrer mais com isso? Nossa, de novo! Não acredito que errei isso mais uma vez. Eles vão ficar decepcionados comigo. Como faço agora?"
Acho que só de ler esse parágrafo você deve ter ficado cansado.
Pois é.
Essa era a minha mente uns meses atrás. Era isso o que acontecia todos os dias dentro da minha cabeça. Ou nas nuvens que rodeiam meu cérebro. Sei lá.
O fato é que é impossível viver em paz assim. É impossível ser quem você é de verdade com esse monte de pensamento e julgamento.
Eu vivia aprisionado pela necessidade de aprovação dos outros.
Eu vivia a vida tentando agradar a todos e fazendo de tudo para não decepcionar ninguém.
Mas será que isso é possível?
Eu achava que era possível sim.
Só que não é. E quando eu entendi isso, eu me libertei.
Eu me libertei das minhas próprias cobranças.
Eu me libertei dos meus próprios julgamentos.
E quando eu aceitei que não conseguiria agradar a todo mundo e parei de tentar fazer tudo pelos outros, minha vida se transformou.
Eu consegui uma coisa que nunca tive a vida toda: paz.
Se você vive pela necessidade de aprovação dos outros, é impossível ficar em paz. Porque você nunca vai conseguir atender às expectativas dos outros.
O que os outros pensam de você é problema deles.
Quando você vive com boas intenções e não quer prejudicar ninguém, você deve conseguir a capacidade de ficar bem com as escolhas que fez.
Se uma pessoa fica chateada com o que você fez, quem está sofrendo é ela. 
Você não precisa sofrer junto.
Se uma pessoa acha que eu deveria ter feito diferente e mantém essa exigência, 
quem deve superar isso é ela, não eu.
Eu vou errar. Eu sei disso.
Mas meus erros não devem ser nada mais que passos para o aprendizado.
Não posso transformar meus erros em dor eterna. 
Não posso fazer meus erros me machucarem por semanas, meses ou anos.
A dor do erro deve acabar no momento em que eu entendo porque errei e aceito e assumo.
Pare de sofrer pelos outros. Pare de assumir uma carga emocional que a outra pessoa carrega.
Se você sofre com o que o outro pensa de você, você está dando a essa pessoa o controle da sua vida.
Já é suficientemente difícil ser você mesmo e viver a sua vida com os seus problemas e os seus desafios. Por que carregar o sofrimento dos outros?
Faça as pazes com você mesmo. Aceite as coisas que você fez errado. Assuma e siga andando. Já foi. Você já aprendeu. Já se arrependeu e agora vamos para o próximo erro. 
Não se prenda ao erro da semana passada.
Sua vida vai ficar mais leve assim.
O que os outros pensam de você diz respeito a eles só. Tanto faz o que eles pensam de você.

Gustavo Tanaka 



Share/Bookmark