15 de maio de 2009

O LEGADO DO YOGA



A civilização védica deixou legado em várias ciências, pois muito se fala de gregos e romanos, neste sentido. Também é interessante saber que o conhecimento védico foi transmitido por meditação, que ele vem do universo. O yoga, por exemplo, é tão moderno e atual e, ao mesmo tempo, é tão antigo, ou talvez, um conhecimento de outro(s) planeta(s)... Quanto mais as pessoas tornam-se ansiosas, estressadas e doentes mais o yoga torna-se imprescindível nos dias de hoje.
Acho salutar a preservação e respeito aos costumes e cultura como têm os indianos. Tudo na vida deles está associado à espiritualidade e rituais.
A existência de escolas filosóficas mostra a importância que o povo indiano dá ao auto-conhecimento e à busca do verdadeiro sentido da existência.
Samkhya e yoga são filosofias que se complementam e levam o homem à sua verdadeira realidade, unindo o conhecimento e a prática.
Para eles Deus está dentro de cada um, o homem tem a divindade dentro de si, mas ele se esquece de buscar esta conexão e vive rodeado de influências externas, deixando-se levar por elas.
Segundo o Bhagavad Gita, no yoga deve-se agir corretamente, para se libertar do ciclo de reencarnações, O homem ao ter consciência de sua essência e das conseqüências do falso agir e do não agir, ele se livra da ignorância, do sofrimento e se desapega de todas as ilusões da matéria.
Na prática do yoga, o homem vai pouco a pouco focando sua atenção, seja meditando ou num ásana, ou no mantra e, com isso, as ondas de pensamentos vão diminuindo e ele vai aprendendo a dominá-las, modificando seu campo vibracional. Dominará também as emoções, que são como cavalos selvagens e não se deixará ser levado por elas. Aprenderá a conhecer a motivação de seus atos e emoções e não será escravo deles.

Patrícia Melo

Share/Bookmark

Nenhum comentário: