12 de setembro de 2009


Tenho de conhecer a mim mesmo tal como sou,
e não como acho que devo ser. Tenho de me conhecer
como o centro a partir do qual estou agindo,
a partir do qual estou pensando, o centro
formado pelo conhecimento acumulado,
por pressupostos, pela experiência passada,
que são coisas que impedem uma revolução
interior, uma radical transformação de mim mesmo.
E como temos um tão grande número de complexidades
no mundo atual, com tantas mudanças superficiais
acontecendo, é necessário que haja
essa mudança radical no indivíduo, porque só o indivíduo,
e não o coletivo, pode criar um novo mundo.

Krishnamurti 

Share/Bookmark

Nenhum comentário: