28 de outubro de 2009



Existem dois tipos de criadores no mundo: um deles trabalha com objetos - um poeta, um pintor, trabalham com objetos e criam coisas; o outro tipo de criador, o místico, cria a si mesmo. Ele não trabalha com objetos, trabalha com o subjetivo; trabalha em si mesmo, no seu próprio ser. Este é o verdadeiro criador, o verdadeiro poeta, porque transforma a si mesmo numa obra-prima.
Você leva uma obra-prima escondida dentro de si, mas você mesmo está obstruindo o caminho. Dê um passo para o lado, e a obra de mestre será revelada. Cada um de nós é uma obra-prima, porque Deus nunca gera coisa alguma menor do que isso. Cada qual carrega escondida essa obra de arte por muitas vidas, sem saber quem é, e tentando apenas superficialmente tornar-se alguém.
Abandone a idéia de vir a ser alguém, porque você já é uma obra-prima. Você não pode ser aperfeiçoado. Você tem apenas de se aproximar dela, de conhecê-la, de percebê-la. Deus criou você com suas próprias mãos; você não pode ser aperfeiçoado.

Osho 

Share/Bookmark

2 comentários:

alegria de viver disse...

Olá querida
Obrigada por nos presentear com belos textos.
Sou uma obra-prima do meu DEUS.
Com muito carinho BJS.

REGINA GOULART SANTOS disse...

Olá Padma. É sempre muito gratificante passar por aqui. Você possui o poder de renovar nossas forças e energias.
Somos todos obras-primas de Deus.
Tem um selinho para você no meu modesto blog "entrelinhas".

Muitos beijos
Namastê !