10 de outubro de 2009



Sei que um dia há de vir em que 
perderei de vista esta terra, e a 
vida há de despedir-se em silêncio, 
correndo sobre os meus olhos a 
derradeira cortina. No entanto, as 
estrelas hão de vigiar de noite, e a 
manhã há de erguer-se como antes, 
e as horas hão de engrossar como 
ondas do mar carregando prazeres e mágoas.
Quando penso nesse fim dos meus 
instantes, rompe-se o dique dos 
instantes e vejo, à luz da morte, 
o teu mundo com os seus descuidosos 
tesouros. Aí, o mais humilde pouso é 
precioso, e é preciosa a mais 
obscura das vidas.
Coisas por que em vão suspirei e coisas 
que alcancei - passem todas! Possa eu  
possuir de fato apenas as coisas 
que sempre rejeitei e desdenhei.


Tagore, in
Gitanjali

Share/Bookmark

9 comentários:

alegria de viver disse...

Olá querida
Fiquei encantada com seus posts, amei tudo, é o tipo de leitura que eu gosto.
Com muito carinho BJS.

Gilvânia C. Duarte disse...

" as estrelas hão de vigiar de noite, e a manhã há de erguer-se como antes, e as horas hão de engrossar como ondas do mar carregando prazeres e mágoas."

Belas palavras

Anônimo disse...

Grata , assim me sinto neste exato momento. Grata pela delicadeza deste espaço que se propõe aos Caminhos da vida. Grata pela sua visita a meu blog.
Que a brisa suave emane e beneficie todos os seres agora e sempre!
Namastê !
Adriana Dornellas - Estações

Norma Villares disse...

Tem dois selçinhos pra você. Abraços

Sassá Luz disse...

Shanti, que beleza de blog, tudo é luz. Estou acompanhando.
Bj

O Profeta disse...

A meiguice dos teus olhos
Enternece a alma mais dura
Sei-te em cada batida de coração
Na verdade da água pura

A verdade da terra
De verdadeira verdade se veste a tua alma nua
O mundo conhece teus passos
O teu destino impresso nas pedras de uma rua

Mágico beijo

Mystique disse...

Acabo de chegar a este seu espaço e fico imediatamente deliciada com os temas e textos... também eu ando na busca do autoconhecimento... mas não está nada fácil para mim!

estarei presente a partir de agora!

beijinhos

REGINA GOULART SANTOS disse...

Seu espaço é puro êxtase. Revela segredos d`alma e gera muitas reflexões.
Por favor, queira aceitar o selinho que se encontra no meu blog, em agradecimento pelo ser iluminado que você é.
Beijos,
Regina Goulart

ONG ALERTA disse...

Sabe não existe morte, o ser humano tem um único medo de morrer, mas quem disse que a morte é terminar com tudo?? Morrer é apenas recomeçar de uma forma diferente, viver é muito mais difícil que morrer, paz.