24 de novembro de 2009



Ninguém pode conviver sozinho com a beleza que é capaz de perceber. E quanto a nós, que buscamos o Absoluto, e que construímos um jardim usando a nossa própria solidão, a Vida nos deixou a imensa paixão para aproveitar cada instante, com toda a intensidade.
Gibran

Share/Bookmark

Um comentário:

Daniel Savio disse...

Penso que não só para apreciar a beleza que queremos ficar sozinhos...

Fique com Deus, menina Padma Shanti.
Um abraço.