14 de agosto de 2010

GUIAR-SE PELO SENTIR

A displicência e anulação dos alertas que nosso organismo e das suas variadas formas    de   sensibilização    como    dores,    cansaço,    doenças crônicas,    humores    negativos,    digestão   irregular   vão   se   instalando gradualmente  e  sendo    consideradas  como  “pequenos transtornos passageiros”. Chegando aos estados em que somente uma intervenção especializada,   dissolverá   e   poderá  resgatar   a   saúde   e   harmonia   do corpo,  como  das emoções   e da mente. Vivemos     perdendo da sensibilização que possuímos. A cultura em que estamos inseridos solicita que sejamos mentais, racionais, práticos e resistentes.   Deixamos assim a   auto-observação   e   negamos   todos   os sentidos   que   promovem   o   bem-estar   de   estar   dentro   de   um   corpo relaxado. A   tensão   vai   se   instalando   e   gerando   desconfortos   até   resultar  em distúrbios físicos, emocionais e finalmente psíquicos. E muitas pessoas somente despertam para o mal que se instalou em seu ser, quando o psiquismo, a mente não consegue mais prover as mesmas dinâmicas que sempre foram solicitadas em demasia. É justamente neste ponto que muitos  chegam  aos   consultórios médicos, nas especialidades complementares e nos centros religiosos, requisitando de diversas terapêuticas para oferecer uma recuperação integral. Hoje temos uma gama variada de terapias que propiciam a melhora de distúrbios     físicos, energéticos  e psicológicos.     Com     abordagens diversificadas, todas   propiciam     resolução    desses    distúrbios    até  o encontro com o bem estar  que o corpo pode promover. Muitos  procedimentos       realizados neste estágio ocorrem com resistência e demora nos resultados desejados. O tratamento se torna crônico.  Os terapeutas e orientadores desempenham papel motivador indispensável para que o resultado possa ser alcançado. Os processos de   auto-percepção       precisam    ser   ensinados,     como valorizar os sinais internos que alertarão o estado que se apresentam no viver diário:
-  observar      mais    os   sinais  de    indisposição,    humores     alterados, modificação   da   qualidade   do   sono,   freqüentes   indigestões   e   toda   e qualquer percepção alterada em nós.
-  valorizar    vontades     inesperadas     de  descanso,     desejo    de   algum alimento diferente, divagação da mente buscando imagens de prazer, sentimentos de acolhimento de pessoas que nos oferecem carinho e uma presença estimulante.
-   reencontrar      valores   morais    e   éticos   pessoais,    bem como  o envolvimento com a própria espiritualidade que alimenta o íntimo com sentimentos de acolhimento.
A Energia Cósmica vibra no Universo. Energia de criação e movimento contínuo     é  que   nos   alimenta    ininterruptamente.  Quando sentimos sensações desagradáveis estamos de alguma forma bloqueando essa energia   no   nosso   ser.   Paramos   de  movimentar   e   de   criar   situações agradáveis,  pois  a energia  ficou   bloqueada      naquela    sensação. Podemos  dispersar  a nossa   atenção em outras  atividades e pensamentos, porém a sensação incômoda continuará no seu corpo. Até a energia criar uma condição de acúmulo e motivar novamente a sua   percepção  consciente. Só    obtemos     saúde,   bem-estar     e  prazer   com    essa  energia    fluindo livremente     em    nós.   A  linguagem de   comunicação      que   a  Energia Cósmica   Universal   utiliza   são   os   nossos   sentimentos   e   sensações. Estar  atentos   e   perceptivos   das   sensações   do   nosso   corpo   e   dos sentimentos que são ativados em cada ação possibilita alcançar uma integridade   com nossos   pensamentos,   e   fazer   assim,   uma   vida  mais harmoniosa com o Universo. Integrados geramos uma vida plena de realizações  e   de  aprimoramento espiritual. Pratique     métodos     que   despertem      o  seu    bem-estar!    Experimente meditações,  reflexões   espirituais,   exercícios, ou    algo  bem    pessoal. Descubra   um   universo   novo   dentro   do   seu   corpo:   o   seu   poder   de sentir.
Cyda Domine - Psicoterapeuta Vibracional
Fonte: http://www.umbandadobem.com/

Share/Bookmark

5 comentários:

Julimar Murat disse...

Querida Patricia

que esta luz, que todos nós trazemos, possa ser manisfestada em benefício a todos aqueles que se aproximam de nós.
Que possamos ser o elo que une a todos neste planeta em busca do amor, da paz .
Um lindo final de semana

Julimar

Vida*** disse...

Que a Paz,Luz,Proteção energética de vibrações Positivas se irradiem entre nós.

Jeanne disse...

somos um delicado complexo corpo/mente/espírito, por isto é importante esta atenção às mensagens que eles nos enviam, respeitando os limites e buscando sempre a harmonia total.
Bom fim de semana, beijos

Jorge disse...

Patricia,

que que o nosso problema é que só procuramos soluções à nossas vidas quando estamos doentes. Procuramos tratamentos médicos e sabemos que sem a própria mudança de pensamentos, sentimentos e posturas ante a vida, se tornam paliativos. Não há saúde que suporte tanta carga negativa que teimamos em acumular em nós. A dor é uma alerta e se conseguirmos nos conscientizar depois de nos curar ou sanar das doenças-efeitos, pelo menos teremos aprendido que só nós podemos nos curar.

Minha amiga, beijo no coração!
Uma ótima semana!!!

walnelia disse...

Uma bênção estar aqui,ler teu Blog,aprender,conhecer,estudar,rezar,rezar...
Muito obrigada,querida Pat!
Namastê...
Abraço fraterno,
Walnélia