14 de novembro de 2010

A ARTE DA PAZ


A Arte da Paz começa em você.
Trabalhe em você mesmo e no caminho que escolheu na Arte da Paz.
Todos têm um espírito que pode ser refinado!
Um corpo que pode ser treinado de algum modo!
Um caminho agradável para seguir!

Você está aqui para sentir sua divindade interior e manifestar sua iluminação inata.
Coloque paz em sua vida e então aplique a Arte em tudo que encontrar.

Ninguém precisa ter prédios, dinheiro, poder ou status para praticar a Arte da Paz.
O paraíso é exatamente onde você está e esse é o lugar para treinar.

Todas as coisas, materiais e espirituais, vem de uma mesma fonte e estão ligadas como uma família.
O passado, o presente e o futuro estão dentro da força vital.
O universo surgiu e se desenvolveu de uma única força e nós crescemos através de um processo maravilhoso de unificação e harmonização.

A Arte da Paz é o remédio para o mundo doente.
Há maldade e desordem no mundo porque as pessoas se esqueceram de que todas as coisas vieram de uma única força.
Voltemos para essa fonte, deixando para trás todo pensamento egoísta, desejos mesquinhos e raiva.

Aqueles que não possuem nada, possuem tudo.
Se você não tem nada que o ligue ao verdadeiro desprendimento
você nunca entenderá a Arte da Paz.

A Arte da Paz funciona em todo o lugar, da vastidão do espaço à menor planta ou animal.
A força da vida é onipresente e seu poder ilimitado.
A Arte da Paz nos permite sentir e penetrar nessa tremenda reserva de energia universal.

Oito forças sustentam a Criação:
Movimento, Imobilidade, Solidificação, Fluidez, Extensão, Contração, Unificação, Divisão

Vida é crescimento.
Se pararmos de crescer, tecnicamente e espiritualmente, melhor morrer.
A Arte da Paz é a celebração da união do paraíso, terra e a humanidade.
E isso é verdadeiro, bom e belo.

Agora e de novo é necessário um retiro entre grandes montanhas e vales escondidos
para restaurar sua ligação com a fonte da vida.
Expire e deixe-se voar até os confins do universo; inspire e traga o cosmos para dentro de você.
Depois aspire toda fecundidade e vibração da terra.
Finalmente combine a respiração da terra com a sua própria e torne-se a respiração da vida.

Todos os princípios do paraíso e da terra vivem dentro de você.
A própria vida é a verdade e isto não mudará nunca.
Tudo no paraíso e na terra respira.
A respiração é o que une a Criação.
E quando infinitas variações na respiração podem ser sentidas, as técnicas individuais da Arte da Paz estão nascendo.

Observe o vai e vem das marés.
Quando as ondas chegam à praia elas crescem e quebram, criando um som.
Sua respiração deve seguir o mesmo caminho, absorvendo todo o universo em seu abdome a cada inspiração.
Saiba que nós temos estes tesouros: a energia do sol e da lua, a respiração do paraíso
e o vai e vem das marés.
Morihei Ueshiba 

Share/Bookmark

Nenhum comentário: