3 de janeiro de 2012

A CAUSA PRIMEIRA E IMPERECÍVEL DO MUNDO


 Michael Parkes
  
“Akaharam Brahma Paramam”. (Brahmam, o Absoluto é Imperecível, o Supremo)

 O domínio do conhecimento é ilimitado. Quanto mais se sabe, mais aumenta o número das coisas desconhecidas, e se tem vontade de conhecer ainda mais. O conhecimento não tem limite. O perspicaz Arjuna estava muito ansioso para conhecer os princípios divinos. O seu desejo foi crescendo gradualmente. Então, ele interroga o Abençoado Senhor Sri Krishna sobre a doutrina suprema: O que é BRAHMAN ou Absoluto? O que é ADHYATMA ou Alma encarnada? O que é KARMA ou ação? O que quer dizer ADHIBBHUTA ou reino físico, e ADHIDAIVA ou reino divino? Quem é o ADHYAJNA ou a divindade do sacrifício, e como faz para habitar este corpo? E como pode o yogue conhecer o Senhor no momento da morte?
Na linguagem comum, nós usamos palavras como ATMA (Alma), PARAMATMAN
(Alma suprema), BRAHMAN (Absoluto), ISHWARA (Deus) etc., mas o verdadeiro significado destas palavras é, provavelmente, desconhecido para muitas pessoas.
Para conhecer a essência destas palavras, devemos nos refugiar aos pés de pessoas nobres, que possuem conhecimento espiritual ou de Deus. Somente quem se auto–realizou, graças às práticas ascéticas, pode explicar tais mistérios supremos. O abençoado Senhor Sri Krishna está iluminando o devoto Arjuna, dando–lhe o conhecimento desta profunda filosofia espiritual.
Aquele algo imortal e causa primeira do mundo é BRAHMAN, o Absoluto. A natureza essencial, ou fundamental, de cada objeto é chamada ADHYATMA (alma encarnada). KARMA (ação) é o nome dado às forças criativas, originadas do Absoluto. YAJNA, ou sacrifício, liberta as forças criativas, causando o nascimento do mundo. YAJNA é KARMA, e o KARMA é o mundo. Todos os seres criados são mortais e perecíveis. Todos os seres perecíveis são ADHIBHUTA. A Pessoa cósmica, que habita em cada coisa, é ADHIDAIVA. Está presente em cada criatura e em cada individuo. E ele, que é o Senhor de todos os sacrifícios, imortal e imperecível, é ADHIYAJNA. Ele, que é o Eu interior de todos os seres, conhece a mente de todos. Ele é o Eu ou o Ser em
todos. O próprio Senhor Sri Krishna é ADHIYAJNA.
O Ser supremo, que habita cada Alma, pode ser conhecido realizando os ritos espirituais prescritos. Somente as pessoas sábias e iluminadas sabem qual é a arte prática para conhecê–lo. A mente é controlada se a respiração torna–se firme e regular. O divino esplendor do conhecimento de BRAHMAN, ou Deus, o Absoluto, reflete–se em uma mente tranqüila, como o reflexo da lua na água parada. É Ele quem habita o centro mais profundo do coração humano como o UM, que conhece todas as mentes. Praticando yoga e meditação, com mente indivisível firme e com a vontade de conhecer o Ser supremo, o homem deve recordar constantemente e contemplar Aquele que é onisciente, que não tem origem, que reina sobre tudo, que é auto–manifestado e a fonte de toda energia. Aqueles que morrem meditando sobre Ele, totalmente absortos Nele com mente firme, após a morte juntam–se a Ele, no mundo divino. É assim que o homem alcança a sempre desejada meta ou moradia suprema.
Dessa maneira, descobre–se que existe Deus, o Absoluto – o supremo Ser – tanto no início, como no fim da vida humana. Ele é a vida dos seres deste mundo. Ele é o Ser onisciente que habita o corpo do homem e conhece todas as mentes; além disto, também o corpo é Seu. Ele está presente na ação e é também Ele quem a realiza. Ele permeia todas as coisas animadas e inanimadas. Iluminando o grande devoto Arjuna, o Abençoado Senhor Sri Krishna disse uma
sublime mensagem: “Tasmat sarveshu kaleshu mam anusmara yudhya cha”.
 “Por isso, pense sempre em Mim e combata (faça o seu dever)”.

Esta mensagem do Gita é uma palavra de iniciação muita sagrada. Se um homem age pensando sempre Nele, e dependendo Dele, não há nada a temer. Ele é o agente, o professor, o piloto e o guia que conduzirá o homem pelo caminho correto. Sempre que o homem O esquece e exalta o próprio poder ou egoísmo, permanece escravo da ação.
Trecho da Biografia de Lahiri Mahasaya
http://yogananda.com.br/index.asp
Fonte: http://graodeareia.net

Share/Bookmark

Um comentário:

Bloguinho da Zizi disse...

Patrícia
Entrar neste teu cantinho e como entrar no paraíso. Paz total!
Grata por essa energia.
Beijinhos