17 de agosto de 2014

FÉ, CRENÇA E SABER




A fé é uma intenção de crença. A crença, o aprofundamento básico que nos levará a um saber. A principal diferença está na postura e no comportamento. Utilizamos a fé como um pedido para uma situação que acreditamos de difícil resolução.
A “Fé remove Montanhas”, disse Jesus, o Cristo. A cada situação que a fé nos favorece vamos nos fortalecendo e aprendemos a Crer. Com a crença nos projetamos como realizadores, solucionadores a ponto de pessoas que estão ao nosso redor, que ainda não desenvolveram a crença, terem fé em nós por conhecerem as nossas concretizações.
O sábio está acima do crédulo. Por ser mais profundo conhece as polaridades de todas as questões. Não é um solucionador de problemas por saber como evitá-los.
Quem nunca conheceu a paz, mas ouviu falar dela, tem fé de um dia alcançá-la. Participa do seu surgimento. Quando a alcança, acredita intimamente na  sua existência e a exercita. Infiltra-a no seu cotidiano e convive com ela. Percebe quando se vai, reconquista-a, desenvolve mecanismos para mantê-la e, aí, torna-se um sábio da paz.
Um fervoroso é alguém que pede auxílio; um crédulo é alguém que se auto-ajuda; um sábio é um cúmplice das tarefas inerentes aos processos de transformação.
O risco do fervoroso é a acomodação. Ao ver sua fé sempre socorrê-lo, não dá o salto humano para transformar-se no crédulo. Não aprendeu nada com os ensinamentos paternais da fé. A cada dificuldade recorre a ela, desprezando o aprendizado anterior.
O risco do crédulo é a repetição. Por acreditar-se auto-suficiente não dá o salto quântico em busca da sabedoria. Mantém-se passivo quando as dificuldades começam esperando o apogeu para atuar como provedor.
O risco do sábio é o isolamento. O equilíbrio consiste em estar alerta para as mudanças do tempo. A cada mensagem nova que surge, ir buscá-la com a fé, refleti-la, exercitá-la até o momento de confirmá-la útil, real. Na seqüência, divulgá-la, sabiamente, para inspirar a fé nas outras pessoas.
Eu tenho fé em Deus e aguardo que Ele me ajude nas minhas questões.
Eu creio em Deus, por isso, sigo os Seus mandamentos responsabilizando-me pelas minhas questões.
Eu sei Deus, compreendo que a vida alterna ganhos e perdas, luz e sombra. Nos ganhos, fortaleço-me para as perdas. Na luz, ilumino-me para os difíceis momentos sombrios.
Com fé em todos que desenvolveram a fé.
Acreditando em todos que se apartaram das conveniências para desenvolverem uma crença interna.
Com amor devocional por todos os sábios,

Halu Gamashi
Fonte: http://halugamashi.no.comunidades.net/index.php?pagina=1263300054_06



Share/Bookmark

Um comentário:

Luma Rosa disse...

Oi, Patrícia!
A fé da uma certa sabedoria para compreender as coisas que acontecem no mundo, principalmente entre as pessoas.
Estou sempre te acompanhando pelo feed e hoje vim para lhe desejar sucesso na Bienal!
Beijus,